Depressão com Poesia

Ser estrangeira: interjeição.

Ser estrangeira é ter que aprender
A lidar com a cara de Ãh
Explicar novamente e
Escutar o Ãh
Chorar e rir
Dos muitos Ãh
Não saber se desentendido
Ou provocativo o Ãh
Tentar ler os rótulos
E produzir seu próprio Ãh
Acordar de manhã e ter certeza
Que encontrará com vários Ãh
Se sentir incompetente
Diante do Ãh
Compreender o desafio
Diante do Ãh
Resistir e persistir
Para isso existe o Ãh

Ser estrangeira é sair da zona de conforto

lidar com restrições e descobertas

Em cada interjeição
Ãh? Hem? Hum?

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição 4.0 Internacional

16 thoughts on “Ser estrangeira: interjeição.

  1. Oi Cris, adorei! um belo presente de sexta feira. Obrigada. Acho que me sinto estrangeira o tempo todo. Bjos

  2. Fiquei pensando nisso…mudando ou não de país nos sentimos estrangeiros por aqui. Bom fim de semana, tempo de curtir Patinatrix🙋🏽‍♀️

  3. Lololol E eu persi de fazer essa piada????? Naaaaaaaaaaaaaoooooooooooo 😂 Bom fim de semana!

  4. Não apenas o estrangeiro…como temos dificuldade de lidar com o diferente…na terra de Hitler…isto dever ficar ainda mais evidente? Ou não?

  5. Por incrível que pareça não. Depois desse marco histórico eles fazem se tudo para manter a tolerância e o respeito com as diferenças. Nem gostam de comentar do assunto como se tivessem um ônus com a humanidade. Claro que tem as exceções extremistas, mas ao menos o que parece são a minoria. Para um estrangeiro o que pega mais aqui é a cultura e a língua. Eles são bastante reservados, planejados e diretos…

  6. Neste caso um estrangeiro brasileiro deve encontrar mais ”’dificuldades’, ainda. No seu caso, porem, sua sensibilidade facilitará as coisas…

  7. O primeiro ano foi muito difícil, depois tudo vai se adaptando. Nossas culturas são avessas, aí sol e calor humano, um convite para rua e bate papo. Aqui frio e tempo cinza, um convite para leitura e introspecção. Agora entendo porque muitos filósofos saíram daqui Estevam 😂😂😂

  8. É uma leitura correta… o clima daí contribuiu em muito para o número de pensadores, mas, a questão cultural/educacional dever ser mais preponderante. Às vezes, eu gostaria de mais tempo cinza e em casa para introspecção (ler, escrever e cozinhar). Ao contrário daí, aqui o calor anda quase insuportável…e o trabalho anda me sufocando junto com o calor…

Diga-me a sua opinião?

%d blogueiros gostam disto: