Depressão com Poesia

Por onde passa a madrugada

Por onde passa a madrugada

pelo sono e pelo suor

pela intuição e pela insônia

faça calor ou faça frio

por ali passa a madrugada.

Para uns ela trás alívio

para outros é tremendo horror

para uns é perda de tempo

para outros conforto certo

essa madre sem ser freira

mera madrugada.

Saudade

sonhos incríveis

monstros invisíveis

vivem beirando a madrugada.

Passo por ela

não entendo nada

é misteriosa como o cemitério

é reparadora como aurora

o cair e o levantar

da madrugada.

Por dentro das ruas

Por dentro das poças

Por dentro da roça e do oceano

Por todo rastro

Por onde eu passo

com a madrugada.

Diga-me a sua opinião?

%d blogueiros gostam disto: