Depressão com Poesia

Do certo, do bom e do inocente

Nem tudo o que é certo é bom
Nem tudo o que inocente é certo
Nem tudo o que é bom é inocente

Nem tudo o que é certo é inocente
Nem tudo o que é inocente é bom
Nem tudo que é bom é certo

Nem tudo o que é bom é bom
Nem tudo o que é certo é certo
Nem tudo o que é inocente é inocente

Nem o não
Nem o tudo
No jogo de julgamentos
Culpas e juramentos

A vitória está longe da cura e
Próxima da introjeção de problemas.

3 thoughts on “Do certo, do bom e do inocente

Diga-me a sua opinião?

%d blogueiros gostam disto: