Depressão com Poesia

Depuração.

Mastigo

O que não dá para mitigar

Nenhum dos nobres motivos

Pode justificar

O brio, o cio, o curto pavio

Qualquer forma de poderio

Que serve para sufocar

Todavia,

Toda vida nessa luta

De armas injustas

Aprendi a mastigar

Sabor indigesto

Detesto

Também sei vomitar

Aos poucos te vejo

Com balde na mão

Também sabes limpar

Máculas de opressão

Rastros de submissão

Depuração se faz em par

Na química convivência.

〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️

Atrás da violência se esconde a carência. Vivemos numa sociedade que pouco se propaga o valor da afetividade. Assunto que ao meu ver deveria ser matéria desde o pré escolar. Amor próprio e ao próximo deveria ser o principal legado à transmitir para nossas crianças. Abaixo segue explicações da visão filosófica sobre o que é a carência afetiva, um dos principais motivos de tantos lamentos, indiferenças e crimes.

Vídeo produzido pela instituição Nova Acrópole, com palestra de Lúcia Helena Galvão, divulgado dia 09 de agosto se 2018, duração de 50 minutos.

Este trabalho está licenciado uma Licença

Creative Commons

Atribuição 4.0 Internacional

9 thoughts on “Depuração.

  1. É verdade! Não só na escola. Teria q ser um exercício realizado ao mesmo tempo em cada, na escola, no clube, na rua….
    Pq a escola trabalha, e chega em casa não há afetividade, e vice-versa. Vai ao clube fazer um desporto, e nem os pais na torcida dão exemplo.
    Mais é isso, falar, falar, falar sobre o assunto.

  2. Mastigar… ato de saborear…não engolir inteiro…ruminar…para não engasgar… talvez, a humanidade precise aprender com os bovinos…

  3. Na maior parte do tempo estamos na defensiva, guarda alta, tem quem acha que demonstrar enfraquece…

  4. Percebo que o princípio da solução para os grandes problemas começa na fala. O debate que orienta e liberta… bom fim de semana 🙋🏽‍♀️

  5. Resumiu as entrelinhas do post… Rafael, fico feliz de ver você por aqui porque gosto demais do enfoque do Navio Blogueiro, especialmente dos seus textos. Muito obrigada.

  6. Uau!
    Mastigar o que não para mitigar é um dos motivos da insônia – Adorei, é forte, intenso, verdadeiro e poético.
    Beijos,
    G.

Sua opinião agrega: comente aqui 🔄

%d blogueiros gostam disto: