Depressão com Poesia

Como andar

Retrospectiva introspectiva de aniversário do blogue

Mais um ano

O que isso significa?

Caminho e caminhada

No fluxo da vida/

Quando comecei

A dor regrava os passos

Um de cada vez

O movimentar/

Quando me soltei

Aprendi a correr

Poesia dá energia

Mas inebria

Quase cai

No vale do ego outra vez/

Notei numa noite

Quer eu ande ou seja levada

As passadas são infinitas

Se dão no escuro e no claro

O raro é saber comandar/

Com andar

Como andar

Como há ar?

O corpo é ouro

Mas o brilho vêm das estrelas

Conquistas louros

Que perfumam e se vão

Pés no rumo da fé

Assim se forma o embrião

Queridos leitores,

Agradeço por sua presença, pelas leituras e comentários. Agradeço por cada palavra de apoio, alerta e carinho que me deram nesses anos.

🌻 Muito obrigada 🌻

Cristileine Leão

20 thoughts on “Como andar

  1. Parabéns pelos seus três anos em seu blog de sucesso.
    Seu poema vem confirmar, porque eu gosto de ler você.
    Um grande abraço
    Manuel

  2. Temos quase a mesma idade (rsrsrsrsrsrs)… Poesia dá energia, mas também inebria… Estou inebriado e energizado,,, Percebo que você também.. Parabéns…

  3. Manuel, andar nos caminhos que você nos mostra através de teus poemas que é maravilhoso. Obrigada pelas suas felicitações 🙋🏽‍♀️

  4. Isto é uma partilha e um caminho que todos estamos a trilhar. Acompanhar o da Cristileine tem sido um prazer. Boa continuação!

  5. Seguir, a força interior expressa em versos…o tempo é apenas uma passagem pela poesia que abre mais ainda o tempo. Seguir sempre Cris, e nesse caminhar vamos seguindo. Um imenso abraço carinhoso e muita poesia pela frente.

  6. Muita poesia para nós🌷 tulipas também. Risos. Esses dias estava revendo as fotos de Keukenhof e lembrei de você. Espero que esteja bem. Super abraço.

Diga-me a sua opinião?

%d blogueiros gostam disto: