Depressão com Poesia

Canavial.

As nuvens carregadas se foram

Passaram pela plantação de cana

Por lá viram cobras

No lugar onde viam passarinhos.

Os passarinhos disputam lugares 

Nos forros das casas e fios de eletricidade 

Fugiram em busca das árvores na cidade

Seu doce habitat se desfez.

Ganância e obesidade fermentam

Capital da terra azedada

Canavial – paisagens transformadas 

Em açúcar e queimada.

Canavial – via dual

Mudou o interior do meu interior

Engrenagens que moem, moem, moem.

2 thoughts on “Canavial.

Diga-me a sua opinião?

%d blogueiros gostam disto: