Depressão com Poesia

Aniversário, adversários e afins

Nasceu?
Parabéns!

És mais um espermatozóide que fecundou a Terra sedento por vida.

Encontrou um ventre quentinho com todas as condições possíveis à sobrevivência da tua espécie.

Para isso terás que ter coragem de enfrentar muitos partos e chorar em muitos peitos.

Passar pelo canal dói, dói.

Respirar é um exercício diário, o ar é invisível, como as melhores graças da vida.

Alimentar-se de pão e carinho é necessidade vital, desde o pré natal.

Evidentemente terás desafios, afrontas e tudo para tirar você do colo, milhões de esperminhos (espermas, espertos, espinhos) irão te incomodar.

Se focar no invólucro da tua célula-óvulo, sem menosprezar os demais esperminhos vai dar tudo certo.

Embrionário humano, tens um caminho à trilhar.

Parabéns!

Quando chegar perto fécula da evolução não envelheça, digo no sentido estático da palavra, e não no sentido estético, use toda essa tua experiência para ser sábio.

Mesmo que o corpo ou as circunstâncias te limitem, já és um vencedor que nasceu. Lembra?

Lembra da tua trajetória anterior à consciência e dos condicionamentos sociais, lembra do interior, da fecundAção, mesmo quando as adversidades forem maiores que os aniversários.

Mas agora tu reconheces o teu lar, mas agora tu sabes deixar a Terra bem mais fértil para os que vão chegar de visita, mas agora tu sabes compreender e emprender tua c&a, mas agora tu sabes desapegar porque sabes que tem competência de nascer quantas vezes quiser.


Onde acaba o umbigo?

⬆️ Reportagem Revista Superinteressante 08.07.2019

Do lado de fora, porém, o que sobra é aquele buraco (ou bolota…) que, se não for lavado direito, bem… Melhor não comentar.

3 thoughts on “Aniversário, adversários e afins

Sua opinião agrega: comente aqui 🔄

%d blogueiros gostam disto: