Nuances e consonância

Mesmo antes

Do feto e do cemitério

Somos feitos

De poesia e mistério

E se nas nuances

Dos desafios humano

Onde vive o convívio

O conflito e o alívio

Desaprendermos a ler

As impressões digitais

Significa que sempre têm mais

Consonantes

Para juntar nas entrelinhas da vida

A missiva universal é clara
e declara

beleza em tudo o que há

Ressoa a consonância do mar

Beba na fonte do belo

Deleite na compreensão

Não foi você e nem eu

Quem fizemos a dor e o amor

Mas é através de nós

Que tudo pode existir

Em poesia e mistério.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s