Retratos

Há retratos que amamos

Os que deletamos

Mas os principais

São aqueles aos quais

Nós somos retratados

Sabem o porquê?

Porque muitas vezes não vemos nossas sombras e nem as borboletas

Retrate-se

Trate-se

A vida é um voo.


Bastidores

  • O desenho acima foi feito por minha filha. Quando perguntei do fundo escuro, ela disse que foi porque borrou o contorno. Automaticamente lembrei do livro ” Ao encontro da sombra, de Connie Zweig”.
  • Manoel de Barros (1916-2014), poeta brasileiro, nascido em Cuiabá , Mato Grosso, dizia que “poesia não é para compreender, é para incorporar. Entender é parede, procure ser árvore“. Querido Manoel, não sou de Barros, nem de Mato Grosso, não te conheci em vida, só em árvore. Nesse dia você retratou minha alma que bateu asas…

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s