Alguém além na linha

Não venha me dizer

Que não teve tempo

Dos dois lados do oceano

Há dias e noites

O calendário é similar

O dia têm 24 horas

O sol e a lua

Continuam a reinar

Independente dos verbos

De fantasias e nudez

Vivemos

Quem aqui não têm problemas?

E qual a solução que não foi desvendada?

Dessas vivem os filósofos e os cientistas

Enquanto a mídia vende alucinações

A educação propõe revoluções

Ou nos comanda a ser mais um

Tantas frentes

Enquanto deixamos para trás

O tempo

Único que temos e que se esvai

Na linha

Enquanto estamos ocupados demais

Com balbúrdias

A ponto de não identificarmos

O que queremos

Quanto menos

De olhar o além

Quis dizer

Alguém

Alô

Alô.


Oração ao Tempo – Caetano Veloso

E quando eu tiver saído
Para fora do teu círculo
Não serei nem terás sido
Ainda assim acredito
Ser possível reunirmo-nos
Num outro nível de vínculo

Esta obra está licenciada com uma Licença
Creative Commons Atribuição Não Comercial Compartilha Igual 4.0 Internacional

3 comentários

  1. Na maioria das linhas só ouvem o que lhes agradam… e, ainda acreditam que foram enviados por Deus para excluir seus semelhantes só porque pensam diferente.

    Curtir

  2. Na maioria das linhas só ouvem o que lhes agradam… e, ainda acreditam que foram enviados por Deus para excluir seus semelhantes só porque pensam diferente.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s