Cidade grande

Frankfurt am Main: um dos muitos arranha-céus visto do Rio Meno.

Fique segura

Quando a oferta é maior que a procura

O que resta é confiar

Assim é o avanço da vida

Dizendo as regras de cada lugar

Dizendo que o encontro

Do gosto com o bolso

Se dá quando há o buscar

De satisfações e

De ilusões

Numa pequena janela

Entre os arranha-céus

Se desenham

A arquitetura dos tempos

Dos sonhos e

Da sordidez.


Sim, estou atrás de um novo apartamento em Frankfurt, cidade universitária e centro financeiro, ou seja, lugar para trabalhar e estudar muitooo. E, lutar por um espaço para estacionar o corpo e o carro (se tiver). A Alemanha é um país pequeno em território, com pouco espaço para construir. Nos grandes centros é bem difícil achar casas isoladas, geralmente são geminadas, ou, apartamentos.

As funcionalidades dos espaços também se diferem, exemplos: muitas lavanderias são compartilhadas no sótão, ou, coloca-se a lavadora no banheiro ou na cozinha. Por falar em cozinha, é comum alugar imóveis sem móveis de cozinhas (até sem pia), só alugam o espaço, o inquilino compra e depois leva quando mudar. Os interruptores de luzes normalmente é do lado de fora dos cômodos. Não há ralos, só no chuveiro, jogar água jamais; os papéis higiênicos podem e devem ser jogados nos sanitários, as tubulações são preparadas, isso é uma maravilha.

Essas são apenas algumas das curiosidades. Mas, o que chama mais atenção é que a maioria da população mora de aluguel. “Vendem uma ideia que isso aqui é o paraíso, mas, um casal jovem como vocês conseguem comprar um imóvel no Brasil, aqui eu trabalhei a vida inteira e pagarei aluguel até morrer”, disse a senhora que foi minha primeira professora de alemão aqui.

Nas andanças de hoje, vimos muitas, mas muitas reformas e construções. Lembrou-me o Brasil tempos atrás. Vamos ver se tudo isso se sustenta. Vamos ver se até o fim do mês (prazo que tenho para sair do atual imóvel) conseguimos um novo espaço. Torcida e ansiedade…

Fico me perguntando sobre essa necessidade de termos lugares e/ou pessoas para chamar de meu…

Leia também: Quanto custa o aluguel nas metrópoles européias?

Reportagem da DW de 07.08.2019


Esta obra está licenciada com uma Licença
Creative Commons Atribuição Não Comercial Compartilha Igual 4.0 Internacional

5 comentários

  1. Curiosas curiosidades…especialmente essa do inquilino comprar/transportar os armários e a pia da cozinha!!
    Boa sorte na busca de um novo recanto!

  2. Então tu estás a ir morar na cidade da famosa escola? Escola esta, hoje demonizada por aqui em terras tupiniquins? Como dizem: conta tudo!

  3. Sem falar que a prestação de serviços é caríssima por aqui…
    Hoje tivemos mais sorte na procura😃 obrigada Dulce e tenha um ótimo fim de semana 🙋🏽‍♀️

Que tal deixar a sua opinião?