Direto do túnel do tempo

Como a vida é generosa que por vezes nem imaginamos.

Estou aqui escrevendo para vocês com lágrimas de alegria. Por anos a fio passei longe das redes sociais. Por achar perda de tempo, futilidade, falsidade e aquilo tudo a mais…

No auge da depressão nem se fala, receber uma mensagem e ter que responder era um martírio.

Para minha surpresa hoje recebi essa

Fiquei tão, mais tão contente, não só por ser lembrada por pessoas especiais na minha vida, como também pela atitude dela de me contatar, como por reviver aqueles momentos quando ainda era uma juvenil cheia de sonhos e garra há mais de 20 anos atrás.

Porém, uma coisa é certa, toda essa movimentação do universo para nos colocar em contato foi possível graças as redes sociais.

Tudo isso veio a calhar com alguns pensamentos que cada vez mais se reforçam na minha vida:

  • Não é o instrumento, é o uso dele que faz a diferença.
  • É necessário testar os nossos preconceitos.
  • Todo movimento começa com o primeiro passo.
  • Todo resultado refletem nossas escolhas.

Trabalhar naquele lugar foi quase um sonho para mim. Foi a época que tive independência financeira, reconhecimento e conheci profissionais dedicados. E, como tudo tem sua sombra, também foi um pesadelo quando deparei com os conluios políticos que nem preciso explicar. Foi a época que o sonho juvenil foi sendo esmagado, como a infância já havia sido pelos hormônios. Enfim, foi a época…

Lembro direitinho quando estava sentada revisando umas reportagens quando todos os canais televisivos foram invadidos pela notícia do 11 de Setembro de 2001. Não existia nem o Facebook!

Sim, o tempo passa muito rápido para nos fecharmos em desilusões, desconfianças e desânimo.

As telas não são só celas e passarelas, podem ser auréolas de criação e comunhão.

Forte abraço à todos que passaram no meu caminho e me ajudaram a ser quem eu sou. 🙋🏽‍♀️



e-books por Cristileine Leão

As Pegadas do Jabuti

para crianças e para quem gosta de autoconhecimento


Flores cantam Poesias: fotografias e poemas

para apreciar a beleza

Esta obra está licenciada com uma Licença
Creative Commons Atribuição Não Comercial Compartilha Igual 4.0 Internacional

7 comentários

  1. Quanta responsabilidade, risos! mas isso não me assusta. Como diz no Pequeno Príncipe: somos responsáveis por tudo o que cativamos…e eu diria também “cultivamos”. 😘

    Curtir

  2. Ultimamente tenho feito o mesmo quando lembro das pessoas. Mando mensagens, inclusive pedindo desculpas. Hoje sei o quanto deixei de me aprofundar nas pessoas porque estava afundada em mim mesma. Devem estar me achando estranha 😂

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s