Movimento de luz

REMEMORANDO


Vamos relembrar da Bailarina de Fogo – poesia feita em fevereiro do ano passado após eu ficar seduzida pelo movimento de luz feito por uma vela vermelha.

A chama dessa vida, quer dizer, dessa vela nos convidou para dançar e aceitamos.

É preciso muito cuidado para não nos queimar, é preciso muito molejo para nos virar, é preciso ficar atento na labareda.

Tendo a consciência de que um dia virá o sopro, então, chega de fazer cera de olhos abertos.

Esta obra está licenciada com uma Licença
Creative Commons Atribuição Não Comercial Compartilha Igual 4.0 Internacional

2 comentários

  1. Quanto mais consciência tenho sobre este sopro…Mais me deixo ser conduzida pela música , que me faz dançar de maneira vibrante o agora!

    Belíssimo!
    Vir aqui é receber doses de vidaaa em cada verso!
    Parabéns! 😚☕

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s