Chorar ou não chorar?

O choro é uma das primeiras manifestações de linguagem do ser humano. O bebê chora para ter atenção e cuidados. Quanto mais vamos desenvolvendo mecanismos de autocontrole, mais vamos segurando o choro.

Acontece que tem uma hora que passamos do limiar entre os sentir e o teimar, ou diria, têm horas que precisamos chorar mas seguramos.

Isso acontece por uma série de motivos, especialmente culturais, afirmações como:

homem não pode chorar, aquela tem choro fácil, parece uma criança, não pode mostrar fraqueza, que melodrama, isso é um problema exclusivo meu os outros não têm que saber, choro não resolve nada, serei ingrato se chorar, e assim vai...

O grito é o choro dos desesperados, daquele que já acumulou muitas lágrimas e precisa dar vazão. O grito silencioso é amigo da depressão.

O grito dói em todos e em todas as partes do corpo e da alma.

Há muitas lágrimas dentro de uma gota, e, há a gota d’água.

Poderia ficar aqui enumerando as vantagens e as desvantagens de chorar, mas, seria perda de tempo para nós dois.

Muitas respostas nós já temos internaMente, basta escutar.

Em suma:

o que o rosto não fala a alma derrama.

E como derrama!

Esta obra está licenciada com uma Licença
Creative Commons Atribuição Não Comercial Compartilha Igual 4.0 Internacional

9 comentários

  1. Tenho um pequeno aqui que chora e chora…. quer atenção a todo tempo… já minha grandinha já começou a engolir o choro… alguém precisa ter ombros para os que choram… mas, os que oferecem os ombros também precisam chorar… viva o choro…

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s