Cuidados.

● Escuta você assistiu aquela palestra que te enviei?

■ Qual? Aquela da mulher que cuida dos outros com o pé na cova?

● Essa mesma, quanta doçura eh baby! Aquela dos cuidados paliativos*.

■ (Risos) Vi sim.

● Então aquilo não sai da minha cabeça.

■ Não entendi, o que pegando?

● Aquela parte que passamos a vida vivendo o sonho dos outros, seja dos pais, ou dos filhos, e quando vamos perceber já perdemos a identidade.

■ Desencana coração. Porque você não vai assistir Ana Maria Braga?

● (Silêncio). Mas é verdade, e quando ficamos velhinhos ficamos esperando reconhecimento, ou mesmo, uma visita se quer, será a vez deles estarem cuidando de alguém, estarem sem tempo, e tudo se repete. E não é só isso, aí quando ficamos sozinhos nem nos reconhecemos, nem sabemos o que fazer com a gente mesmo.

Nonde você quer chegar com isso?

● Pelo menos preciso começar a pagar um plano de aposentadoria. Se não é capaz deu num ter cuidador nem pagando.

■ (Gargalhada) mas você nunca contribuiu com o Leão?

● Que nada menina, sabe que eu só vivo o presente, vai saber qual o presente que receberei daqui uns 30 anos, melhor prevenir ( mais risos sem graça).

■ Não tem nem poupança?

● Nadinha. A única poupança que fiz foi para você, mas já gastei todo o dinheiro. Lembra?

■ Eu não.

● Como assim? Até te avisei que precisava dele para comprar uma geladeira porque ia morar sozinha.

■ Juro que não lembro. Mas se foi desencana. Aquela geladeira sua, passou pra mãe, depois veio pra mim, e agora vendi porque comprei uma nova. Então ela rendeu muitos frutos.

● Não acredito que você nem se lembra… E eu aqui todos esses anos carregando esse peso de consciência por ter gastado o dinheiro que queria te dar para os estudos.

■● (Risos e mais risos conjunto) Ah, virou pizza.

Tudo vira… Tudo virá.

〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️〰️

  • Baseado em fatos reais.
  • Por mais que pareça o texto não é sobre a velhice, nem da solidão, mas sim sobre os cuidados com nós mesmos para não virarmos pizza de mão em mão.
  • Por falar nisso, como anda a lei sobre aposentadoria para donas de casa?
  • A palestrante mencionada é a Ana Maria Claudia Quintana Arantes.
  • Cuidado Paliativo* não é sobre morrer, mas sobre como viver.
Slideshare.

Este trabalho está licenciado uma Licença

Creative Commons

Atribuição 4.0 Internacional

4 comentários

  1. Minha querida amiga… este diálogo marca algumas coincidências. Acompanhando minha irmã hoje, em um escritório sobre direitos de aposentadoria, perguntei sobre os direitos de minha mãe ( que estava presente também ) ao longo de seus 60 e tantos anos de “Dona de Casa”. A atendente respondeu que, se nunca contribuiu com o Leão não haveria possibilidade nenhuma de receber algum benefício. Minha indignação veio com a pergunta: como nunca contribuiu, se ela teve 11 filhos (cuidando bem de todos eles) e todos contribuem com sua parcela para o leão?! Cadê a sua comissão sobre estas contribuições?! kkkkkk Esta história em breve virará crônica e você saberá o porque… mas que foi uma bela coincidência, isto foi. Obrigado por compartilhar, bem mais que um diálogo, uma bela reflexão! Beijo no coração e ” VIVA as Donas de Casa”

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.