Comparações.

É verão
Quando vejo uma moça passar
Com suas pernas lizinhas
Fico saudosista
Assim já foram as minhas

Logo penso
Vê se te manja
Já teve aquela idade
Com as pernas bonitinhas

Contudo hoje em dia conheces
O outro lado da laranja
O sumo e a casca

Comparações
Des/com/pensadas só servem
Para deixar-te o bagaço

Assuma o sabor do seu suco

Nada de se espremer
Se ligue no seu bom caldo

Descomplique seu ultraje à rigor.

〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰〰

Já que estamos permeados de coisas, pensamentos e atos inutéis foi inevitável lembrar da

Música: Inútil

Som: Ultraje a rigor

Compositor: Roger Rocha Moreira

Letra (sem o refrão):

A gente não sabemos escolher presidente
A gente não sabemos tomar conta da gente
A gente não sabemos nem escovar os dente
Tem gringo pensando que nóis é indigente

A gente faz carro e não sabe guiar
A gente faz trilho e não tem trem pra botar
A gente faz filho e não consegue criar
A gente pede grana e não consegue pagar

A gente faz música e não consegue gravar
A gente escreve livro e não consegue publicar
A gente escreve peça e não consegue encenar
A gente joga bola e não consegue ganhar

Este trabalho está licenciado uma Licença

Creative Commons

Atribuição 4.0 Internacional

17 comentários

  1. Muito bom, mas acredite não só ocorre com as mulheres, nós homens também damos algumas topadas de coisas que já não nos encaixam mais. Salvo pelo bom relacionamento e pelo carinho e respeito com minha personal, ainda posso desfrutar de frases tipo, “chegou meu aluno gatão”, olha se era pra correr uma hora eu corro até duas pela massagem no ego, rssss.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Aiaiai 😄 é verdade. Alguns meses atrás fiz um curso de história da arte. A professora explicou como o corpo foi representado em cada período. Resumidamente, primeiro não podiam usar corpos nus de modelos, então, usavam corpos da mitologia. Depois começaram pintar mulheres até elas virarem objetos de desejo e consumo (vide Playboy). Agora é a vez dos homens… essa última parte foi um próprio parceiro de classe quem complementou levando várias propagandas para comprovar sua teoria.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.