Acontecimentos.

Às vezes acontece
do trem partir cinco minutos mais cedo
Você vê e
tem que ficar na estação até a vinda do próximo/

Às vezes acontece
do trem partir vinte minutos mais tarde
E você ter que ficar dentro dele sentado
Na espera de prosseguir/

Às vezes acontece
Do trem não vir
E aí?

Os acontece da vida
A própria vida
É como um trem.

O esperado do inesperado
O inesperado do esperado
Acontece.

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição 4.0 Internaciona

16 comentários

  1. Obrigada 🤗 escrevi num momento real que perdi o trem, mas me trouxe muitas outras significâncias…tomara que as frustações sempre virem poemas…😙

  2. Já me aconteceu sonhar muito com comboios. Gosto muito da ideia porque, para mim, têm o significado de transição, mobilidade, passagem de uma fase para outra, caminhos. Abraços, Cristileine e uma boa semana 🙂 Há que canalizar bem as frustrações “take your broken heart and make it into art” 😀

  3. Se vieres a Minas, verás que mineiro não perde trem…aliás, tenho um poema escrito com este título, ainda não publicado…nele conto uma experiência da infância, vendo trens e mais trens partir da estação da cidade, sentado ou apoiado no parapeito da varanda da casa de uma de minhas bisavós…eu não esperava e nem partia…mas de lá ao trem eu assistia…

  4. Publica, publica… Ainda funciona trem em Minas? Minha cidade atingiu o auge na época do trem, tinha até cinema. Hoje é tomada pela cana-de-açúcar.

  5. Este deverá ser publicado em maio…será mês de meu aniversário, do blog é de casamento de meus pais…em Minas tudo é trem…mas, ainda tem trens de carga para transporte de minério. Para passageiros ainda tem Maria Fumaça em determinadas regiões e uma linha Belo Horizonte para Vitória-ES.

  6. É uma leitura de suspiros e de imaginação, alguns podem imaginar apenas o trem, outros tantos vão mais além, imaginam o trem e toda sua composição. 😉

  7. Qdo perco o trem ou chego cedo prefiro só pensar q acontece. Não me sinto à vontade qdo alguém sugere q foi melhor assim, pq algo podia ter acontecido, como se sempre houvesse um anjo p me salvar. Não sei se consegui me fazer entender.

Que tal deixar a sua opinião?