Cavidade de cristais.

Degraus, escada, depressão

Ao todo são 15
Degraus da escada
Entre a sala e os quartos
Travertino rocha calcária
Lugar que calço os pés todos dias
Quão bela!

Sustenta o peso dos humanos
Até quando eles não conseguem carregarem a si mesmo
Passava por ali despercebida
Sem saber o que subia e descia Em mim
Mais rígida que essa rocha Instável eu estava
Segurando no corrimão/

Passo apressada
Corro para fora de casa
Ouvi dizer que existe marfim
Num campo além daqui
Volto para o quarto
Em campo vazio Ninguém estende as mãos/

Os 15 ficaram infindos
Naquela estática solidez
Durmo
Desço mais uma vez
A vida continua/

Assumo minha fraqueza nas pernas
Primeiro passo para formar Músculos travertino
Logo terei cavidade de cristais
Enquanto isso
Cavo a rocha
Degrau por degrau.

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição 4.0 Internacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.