Lua em mim.

O brilho difuso da lua

Mingua 

Cresce

Renova

Enche 

Todos recebemos

Na noite

Luz

Pouco prestigiada 

Que não deixa de derramar

Ciclos que renovam

Energia que enche

Conhecimento que cresce 

Enquanto mingua o ser

Lua lá longe

Eu aqui perto 

Do nada

Nada…

Vejo reflexos do 

Luar derramado em flores

Clarão

Invada a noite

Do meu ser

Claridade busco 

Nesse contemplar 

Broto em fases

Do seu luar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.