Pingos

A chuva me chama para dormir

Ela chora do céu

Meus olhos choram por travesseiro

Minha ânsia querendo ficar alerta

Como se dormir fosse o fim

Mas é só o começo de um outro dia

Para quem abrir os olhos.

Abrir ou fechar

A porta da alma?

Ficar ou fugir

No muro da vida?

Que som bom

Dos pingos da chuva

Caindo na terra

Convite para se derramar

Na escuridão do sono

Dou boa noite ao dia ido

Estou pingando de sonhos.

Qual é o seu pingo agora?

 

6 comentários

  1. Tenho amado acompanhar seu blog, compartilho dos textos, de cada palavra, de cada sentimento. É muitas vezes um espelho para mim.
    Parabéns pelo blog 🙂

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s