O que é a felicidade?

FE-LI-CI-DA-DE

Consegue juntar, separar e decifar essas sílabas na sua vida?

O que é felicidade?

Felicidade pode ser medida?

Posso ser feliz sem saber?

Essas e outras perguntas procuram ser respondidas na *Matéria de Capa, programa da TV Cultura. Mais do que isso, eles tentam traçar o mapa da felicidade baseados em estudos de conceituadas universidades do mundo. Especialmente da Universidade de Harvard/EUA onde a felicidade é analisada desde 1938 pelo professor Robert Waldinger quem fez essa palestra Do que é feita a vida boa?

Volto a salientar que a depressão não é o contrário de felicidade. Já falei aqui do depressivo sorridente

Depressão é igual falta de vitalidade, falta ânimo e energia tanto no corpo quanto na mente para viver.

O que me chamou atenção na reportagem é a preocupação dos países desenvolvidos com programas que analisam e trabalham com a felicidade do seu povo. Ai se no Brasil ao menos se cuidassem com a economia já seria imensamente bom.

Por exemplo, a Dinamarca detectou que o Facebook rouba o tempo livre. Na Noruega, onde a maioria das pessoas não tem problemas financeiros, há índices de 40% de divórcio, detectaram a solidão a dois. Na Inglaterra inventaram o programa Happy City, para avaliar o grau de satisfação de habitação, saúde e transporte do povo. No Canadá descobriram que inteligência não é sinônimo de felicidade, pois, os altos QI confiam demais em si e não enxergam os próprios erros.

Você pode pensar, é fácil ser feliz num país de primeiro mundo. Será mesmo?

Quem responde pelo Brasil é o professor Luiz Felipe Pondé, para mim o mais realista e irônico dos filósofos que se apresentam nas mídias sociais brasileira hoje.

Ainda há dicas de livro (The Happinnes Industry – Willian Davie) e filme (Hector e a procura da Felicidade).

Sugiro ver essa reportagem com papel e caneta na mão porque há muitas ideias  para serem avaliadas.

*Esse programa foi exibido há quase um ano atrás. Eu o trouxe à tona porque o tema felicidade continua nos chamar atenção. Zoroastro, Epicuro, Aristóteles, Jesus Cristo, Maomé, Karl Marx, Freud…todos grandes influenciadores da humanidade falaram sobre a felicidade.

Principais pontos para ser feliz, segundo a reportagem :

• Dar valor à qualidade dos relacionamentos

• Cérebro e corpo saudável

• Auto-estima

• Entender que o ser humano é insatisfeito por natureza

• Diminuir a expectativa

• Aprender contemplar/meditar no que possui

Pergunto:

  1. Muito dinheiro no bolso, saúde para dar e vender” refletem felicidade
  2. Engajamento nas mídias sociais reflete felicidade?
  3. A felicidade está ao alcance de todos?
  4. Felicidade tem que ser uma meta humana? Se não, qual sugere?
  5. O que é felicidade para você?

Veja a reportagem e deixe aqui sua opinião para uma dessas, ou, daquelas outras perguntas acima.

Ficarei FELIZ em responder😀

19 comentários

  1. Sou cristão da igreja do evangelho quadrangular, uma igreja protestante, mas não vim falar sobre isso . Porque não discuto politica e religião e futebol. Mas na bíblia Jesus nos ensina que feliz é o homem que crê na riqueza do rei e não a do homem, estatus e dinheiro não vai fazer você feliz é sim o principal mandamento que amar o próximo como fosse teu irmão.
    Amor é a palavra chave em querer buscar aquilo q nos faz sorrir ter vontade de viver
    Ter a família como base e o começo pra felicidade sem ela o q aprendemos? O mundo não ensina nada tudo é artificial e a felicidade também. Sou feliz porque eu acredito q eu posso ser e as frustrações fazem nos ensinam e faz crescer como pessoas.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Entendo o que você fala, minha infância foi católica por parte de mãe, e a juventude Batista por minha escolha. Hoje não sigo nenhuma religião, carrego bons ensinamentos dessa época. Para mim felicidade é ajudar o próximo, não em forma de assistencialismo, mas aquela dos pequenos detalhes do dia a dia, a gentileza, entende? Fico tão feliz nesses momentos fraternos, sei lá parece o real significado de ser gente. É muito bom.

    Curtido por 1 pessoa

  3. As vezes fico deprimido no almoço de domingo fica meus cunhados e seus cônjuges no celular ninguém conversa e perde todo laço de comunicação. Triste sentir sozinho quando está acompanhado com várias pessoas.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Felicidade está ao alcance de todos. Não é meta é caminho. Não é dinheiro é escolha. Não é rede social, é estar atento, olhar e descobrir o que nos rodeia.
    Felicidade são momentos pontuais, de partilha, de afectos, de criatividade. Ou apenas o sentir que estamos vivos.
    É simples, mas por vezes complicamos!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Dulce você fez boa síntese, como no resultado do estudo que diz que a felicidade mora com nossos relacionamentos, lá disse nos sociais, eu tomo a liberdade de ampliar para nossos relacionamentos com todos e com o todo. Abraços 🙋🏽‍♀️

    Curtir

  6. Quando respondi certa vez que, para mim ” felicidade é uma tigela de arroz doce” e “amor é dividir esta tigela de arroz doce com a companheira”, creio que muita gente achou infantil a minha resposta naquele momento, Cristileine. Mas a lógica é muito simples. Adoro arroz doce e só dividiria a tigela com alguém, por amor. Mas tem um porém. Não consigo comer arroz doce 24 horas por dia ou seja, a minha felicidade dura o tempo exato daquela degustação. É momentâneo e depende do paladar de cada pessoa. O que quero dizer é que, esta felicidade está ao alcance de qualquer um sim. Um beijo, uma viagem, um olhar, uma noite de amor, reunião de família. Mas também creio que, não é a felicidade neste sentido que as pessoas procuram. O que as pessoas procuram é a paz interior. Quando achamos a paz interior somos tomados pelo sentimento de gratidão, e aí cabe todos os momentos em si. Bem… se xis é igual a ípsilon elevado ao quadrado dos catetos da hipotenusa, felicidade está para a paz assim como a paz está para o amor…. vixe, falei demais (e nem tão bom em matemática eu sou kkkkkkkk). Obrigado por nos conceder o espaço. Um grande abraço e tenha um fim de semana abençoado!

    Curtido por 2 pessoas

  7. Sua opinião sempre acrescenta. E dessa vez veio com gosto de arroz doce, o que me causava grande felicidade na infância 😋 segundo meu extenso entendimento de matemática 🤣 entendi que felicidade é um número infinito que sempre procuramos achar, numa equação que não é absoluta. Vixe viajei 🤣ou melhor poetizei🤣🤣Boa noite caro amigo🙋🏽‍♀️

    Curtido por 2 pessoas

  8. Não tenho certeza se muito dinheiro traz felicidade, mas penso que ajuda sim, e muito.
    Acho que as mídias sociais, em sua maioria, são a maior farsa de nossa realidade atual. Nunca confio nesse pessoal feliz demais que sempre postam fotos sorridentes e frases de efeito. Portanto, não.
    Sim, para algumas pessoas é um caminho mais fácil, para outras, bem mais árduo. Mas creio que todos podem alcançá-la, mesmo que seja um breve momento.
    Acho que não, e creio que a minha resposta da última questão irá respondê-la, rs.
    Charles Bukowski disse em uma entrevista que o amor é um breve instante que desaparece, como uma névoa que se desfaz com a primeira luz de realidade. Penso o mesmo sobre a felicidade. São momentos pontuais, e não um sentimento duradouro.

    Parabéns pela postagem. 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  9. Deu para entender sim. Obrigada por participar. É sempre bom agregar opiniões. Lembrei da propaganda da família margarina onde tudo é feliz 🤣 Gostei da comparação com a névoa. Abraços Guilherme 🙋🏽‍♀️

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.